O frizz pode aparecer em qualquer tipo de cabelo, seja ele fino, grosso, liso ou enrolado. Mas, chega de sofrer, os teimosos fios rebeldes que resistem em ficar fora do lugar e incomodam muita gente têm solução! Confira nossas dicas para viver mais feliz sem o frizz:

  1. Conheça seu cabelo

Além dos cabelos encaracolados, que já são mais armados pelas próprias características dos fios, os cabelos sem saúde, por falta de hidratação ou pelo excesso de procedimentos, também tendem a ficar mais volumosos. Por exemplo, os fios com deficiência de alguns componentes ou muito danificados por processos químicos, acabam ficando porosos e então armam por qualquer coisa. Por isso, é preciso saber diferenciar e enxergar os sinais que o seu cabelo dá.

  1. Não dê margem aos fios ressecados

Após identificar se o seu cabelo está realmente com frizz por excesso de ressecamento, é preciso tratá-lo! Esse tipo de fio tem dificuldade em manter a hidratação e precisa ter cuidados contínuos. Invista em uma rotina de cuidados, como o cronograma capilar, com cuidados específicos.

Outra dica é evitar lavar o cabelo com a água muito quente. A temperatura da água deve ser morna para limpar e tratar as madeixas.

  1. A manutenção dos cuidados

O leave in é item indispensável para evitar o frizz.  A umidade diária ajuda no aparecimento dos arrepiados, mesmo quando o fio está bem tratado. Por isso, após lavar os fios, finalize com um potente leave in.

Agora que você já sabe tratar o frizz, confira como cuidar de outro problema polêmico: os cabelos oleosos.