Utilizar bons produtos capilares e ter um cabeleireiro de confiança ao seu lado faz a diferença na saúde dos seus fios. Mas, não é só isso, manter uma alimentação balanceada é essencial para manter suas madeixas sempre fortes e saudáveis.

O baixo consumo de proteínas, vitaminas e minerais pode levar à perda do brilho, à quebra, queda e até interferir no crescimento do cabelo. Sabia?

Conheça alguns alimentos que ajudam no fortalecimento capilar:

 Cenoura

Fonte de betacaroteno e Vitamina A. O primeiro é um antioxidante que combate a ação dos radicais livres e, assim, retarda o envelhecimento dos fios, evitando a queda e a perda de pigmentos que deixariam os fios brancos. E a vitamina A atua na saúde do couro cabeludo, nutrindo suas células e deixando-as mais fortes.

 Espinafre

Rico em ferro e clorofila, o que ajuda a equilibrar a oleosidade do couro cabeludo, a fortalecer a raiz e a normalizar o crescimento dos fios. Além disso, o ferro participa na formação dos glóbulos vermelhos.

 Aveia

O grão contém silício, mineral capaz de estruturar a queratina, proteína que forma o cabelo. A aveia traz ainda vitaminas do complexo B e zinco, o que ajuda no controle sobre as mudanças hormonais, que podem levar à queda e aos fios brancos antes do tempo.

 Salmão

Além da proteína de altíssima qualidade, o salmão é rico em ácido graxo, ômega 3 e selênio. Juntos, eles combatem inflamações, protegem o couro cabeludo contra a radiação ultravioleta e melhoram a circulação e a chegada de nutrientes ao bulbo capilar. Carne vermelha e frango também são boas opções de proteína magra.

 Laranja

O benefício para o cabelo está na parte branca que envolve os gomos, a chamada pectina. Ali ficam as fibras que vão ajudar a varrer para fora do organismo as toxinas, que, em excesso, contribuem para o aumento da oleosidade e o aparecimento da caspa.

 Morango

A fruta oferece flavonoides e vitamina C, substâncias que ativam  a microcirculação sanguínea no couro cabeludo. Resultado: os fios crescem mais rápido, resistentes e menos sujeitos à queda, quebra e ao ressecamento.

 Iogurte magro

Além de aminoácidos que fortalecem a fibra capilar, o iogurte traz vitaminas do complexo B. Elas favorecem o depósito de queratina no fio, deixando-o mais encorpado e resistente.

Castanha do Pará

A fruta oleaginosa merece espaço na sua dieta por oferecer zinco: a carência dele deixa o cabelo fino, quebradiço e sem brilho. Ingerir a dose necessária do mineral proporciona melhor crescimento e desenvolvimento capilar, ajuda reduzir a oleosidade excessiva e previne a descamação no couro cabeludo.

Agrião

A hortaliça fornece MSM, que é a forma biodisponível do enxofre. “O mineral é necessário para a manutenção e a produção da queratina. Também possui ação anti-inflamatória, o que ajuda a evitar a caspa”.